Alinhamento, colaboração, agilidade e talento são alguns dos ingredientes que podem tornar a sua equipe invencível no mercado. Vocês estão prontos?

 

Toda empresa geralmente tem bons profissionais, mas o que leva a atuação deles a um outro nível é a forma com que performam juntos. A gente fala juntos porque a colaboração é, hoje, um dos pontos mais fortes da educação corporativa disruptiva, baseada na troca de experiências individuais que vão potencializar o coletivo. Convidamos você, agora, a refletir sobre como o seu time vem trabalhando, principalmente nesse novo cenário pós-quarentena. Como está a rotina de tarefas? Estão cumprindo os deadlines? Como está sendo a comunicação entre eles para criar novas soluções? Cada uma dessas perguntas vai conduzir a uma visão do todo, e o resultado vai refletir a performance.

Neste post, vamos mostrar como você pode avaliar o desempenho da sua equipe, e a alta performance é o objetivo que a gente quer que vocês alcancem lado a lado.

 

Você vai ler sobre:

  • Objetivo traçado: primeiro passo para o sucesso 
  • Team building: união de talentos que se completam
  • Hack pessoal: coloque seu time em contato com a potência que eles têm
  • Rolou uma química: sintonia que acende a faísca da produtividade
  • Gestão de conflitos: transformar discussões em negociações
  • Forme seu squad: um mix de personalidades e talentos
  • O melhor método? O que o seu time merece!

 

Objetivo traçado: o primeiro passo para o sucesso

 

Pode parecer óbvio, mas em muita empresa o objetivo ainda não é claro ou definido. Um time só vai conseguir se alinhar e começar a colocar os talentos individuais para trabalhar em função das conquistas coletivas se todos os integrantes desse squad souberem aonde estão indo. Assim vai ficar muito mais fácil saber como chegar lá, concorda? 

 

A missão, visão e os objetivos globais da empresa vão guiar essa empreitada de trabalho coletivo, e se engana quem acha que é só entregar um ‘guia’ com todas esses discursos bonitos para os novos colaboradores e eles vão estar por dentro do que a organização planeja para cada um deles e para o negócio. Na teoria pode até ser, mas entender os objetivos da empresa é muito mais do que decorar o que a empresa divulga, mas ver essas diretrizes sendo aplicadas no dia a dia, com os times não só fazendo parte disso, mas construindo os objetivos a muitas mãos, desenhando caminhos para atingir todos eles. Se todos não souberem na realidade o que a organização quer e onde quer chegar, nem time de heróis de filme com superpoderes consegue ser eficaz. Estamos falando em time de alta performance, isso é um diferencial gigantesco no mercado, e tudo que é bom não é fácil de criar. Falamos sobre team building antes aqui no blog, mas vamos relembrar a essência de um time promissor?

 

Team building: união de talentos que se completam

Não é título de comédia romântica mas tem tudo ver com entrosamento e final feliz. Construir uma equipe produtiva é colocar os profissionais certos para trabalhar com quem vai somar, criando laços fortes entre os membros do seu time. Assim como nesse filme de amor que a gente curte, esses profissionais vão escrever, juntos, um roteiro que tem o respeito pelas diferenças, o compartilhamento de habilidades e a sintonia de expectativas como plano de fundo dessa narrativa. Na história da alta performance, os integrantes de cada time têm essa interação produtiva diária quando o assunto é cumprir tarefas da melhor forma possível.

 

Unir profissionais é uma arte, pode-se dizer, e as empresas que conseguem criar esses times saem na frente na corrida pelos clientes, pelo reconhecimento e, claro, pelos lucros. No team building, o líder está no mesmo patamar dos seus liderados porque em time que ganha não tem competição entre si, todos estão conectados em prol da eficácia do business, em um relacionamento coeso, honesto e que rende muitos frutos. Da mesma forma em que eles se divertem no happy hour ou no churrasco da turma, eles vão se divertir criando soluções inovadoras para problemas desafiantes na rotina da empresa. A formação da equipe é o processo de fortalecer os laços entre os membros de um grupo com o objetivo de alcançar os objetivos com mais eficiência, e equipes bem-sucedidas podem ser mais produtivas do que colaboradores individuais.

 

Hack pessoal: coloque seu time em contato com a potência que eles têm

A gente não pode falar em time de alta performance sem falar de como é importante investir no talento de cada colaborador. Independente do quão bom o profissional é, ele tem suas vulnerabilidades, qualidades, defeitos e aquele medo de errar que nos ronda mesmo quando temos experiência no que fazemos. Muitas vezes, é inevitável não ser dominado por alguma fragilidade no ambiente de trabalho. E está tudo bem. O importante é a empresa se colocar para o colaborador como um espaço aberto ao autoconhecimento. É o que a gente chama de hack pessoal (e temos até um curso muito bacana sobre o assunto!).

 

Mapear o que freia o profissional quando ele pode ser melhor é uma das melhores maneiras de trazê-lo para perto do time, e na verdade, quando a organização se abre para entender esse profissional, um novo horizonte se abre junto. No curso da SPUTNiK, por exemplo, focamos em uma jornada profunda, intensa e orientada para o objetivo final: evidenciar as habilidades socioemocionais a partir de um resgate à vulnerabilidade e hackear essa potência em busca de um melhor alinhamento consigo e, de quebra, com todos a sua volta. Uma jornada que busca tirar os participantes da zona de conforto e colocá-los em contato com sua potência. Vocês vão descobrir que a vulnerabilidade, mesmo soando como algo negativo, influencia diretamente o caminho que leva à alta performance 🙂

 

Rolou uma química: sintonia que acende a faísca da produtividade

Pode taxar a gente de brega, mas não tem como não comparar a conexão de um time com aquela paixão que te tira o fôlego de tão avassaladora (haha). É bonito demais ver um time que se entende e, que em meio às agruras do dia a dia, consegue seguir com a inovação como tempero desse relacionamento. É aprender com os erros, aprimorar os acertos, trazer novos insights, trocar experiências: o aprendizado colaborativo é sempre o fator-chave de sucesso no contexto da alta performance.

 

Tudo é empolgante para um time que dá certo. É importante manter a sintonia harmoniosa de interesses e objetivos porque, como dissemos ali em cima sobre a missão da empresa, todos estão na mesma página, caminhando na mesma direção. As organizações que constroem equipes eficientes conseguem reter e atrair talentos porque a cultura organizacional é um chamariz e tanto. Tão essencial como o entrosamento é a abertura para o diálogo, a valorização das habilidades individuais, a comunicação eficaz que não deixa dúvidas sobre as metas a serem alcançadas e o papel que cada um desempenha no trajeto.

 

Gestão de conflitos: transformar discussões em negociações <3

A relação dentro de uma equipe de alta performance precisa ser saudável, e para isso podem ser criadas estratégias de gerenciamento de conflitos que vão estabelecer um convívio equilibrado e harmônico. A empatia, aqui, assume um papel decisivo para determinar o clima em que o time gosta de trabalhar. Os conflitos vão acontecer em algum ponto do processo, mas na maioria das vezes é possível evitá-los, prevendo cenários que possam criar desentendimentos.

 

Paciência, inteligência emocional, imparcialidade e positividade são fatores benéficos ao clima de sintonia entre os integrantes do time. Aliás, são fatores que vão evitar o famoso ‘climão’ que amedronta todo mundo. E isso não quer dizer que ninguém possa discordar não. Os desentendimentos podem ser benéficos quando resultam em cenários mais propícios para a produtividade. A comunicação aberta e fluida é o que pode salvar o seu time de discussões sem sentido e desnecessárias na rotina – e agora nessa nova realidade do home office, ela se faz ainda mais necessária porque interpretações errôneas são suscetíveis de acontecer quando não se tem aquele ‘olho no olho’ sem ser pela câmera do computador, sabe. O Match é uma opção bem bacana para fomentar o melhor das relações profissionais, construindo diferentes níveis de trocas e diálogos, dá um check!

 

Forme seu squad: um mix de personalidades e talentos

Um time de sucesso abriga uma diversidade de talentos e habilidades para que cada um ocupe o lugar em que se encaixa melhor. E toda equipe que tem um líder entrosado e motivador já começa ganhando. Mais do que ser um guia para a realização de tarefas e cumprimento de prazos, a liderança prepara o time emocionalmente para o que vem a seguir, oferecendo o suporte necessário e liderando pelo exemplo. É quem vai fomentar o engajamento e a criatividade, vai sugerir estratégias fora do convencional e vai construir a confiança mútua.

 

Em um time de alta performance não tem hierarquia, mesmo que o papel desse líder esteja muito bem definido. Os colaboradores serão os próprios facilitadores do trabalho porque estão 100% sintonizados e se motivam entre si porque compartilham expectativas e metas. Cada um com suas skills, eles conseguem solucionar qualquer task e ir em busca das novidades que vão otimizar o processo produtivo e manter o foco no que realmente importa: o que faz sentido para todo mundo.

 

O melhor método? O que o seu time merece!

A alta performance é, na verdade, um conjunto de todos os fatores que citamos ao longo deste post, e a metodologia mais adequada para o seu time é aquela que tem a cara dele, que se encaixa nas necessidades do que eles estão empenhados em realizar. Precisa de agilidade? O método ágil vai oferecer princípios que vêm do desenvolvimento de software para guiar a sua equipe em soluções através da colaboração. Quer inovação? Implemente métodos híbridos que causem a disrupção necessária para despertar nos colaboradores talentos que nem eles mesmos sabiam que tinham para compartilhar, o que vai favorecer a multidisciplinaridade. Seja qual for a sua metodologia, o que importa é trazer as vantagens de uma equipe de alta performance para o seu negócio, como uma visão mais ampla e bem mais estratégica, mais autonomia, o fortalecimento de novas lideranças, a melhoria constante dos processos, além de mais maturidade e lucratividade. Quer combinar métodos diferentes para criar um método personalizado? Vai ser lindo, e pode contar com a gente para isso! E sabe por quê?

 

É hora de ter um time de alta performance para chamar de seu, e a SPUTNiK está pronta para te ajudar a construir a melhor equipe que a sua empresa já teve. Pode acreditar, o final é sempre feliz em um roteiro bem planejado para cumprir todos os objetivos com profissionais-heróis que vencem qualquer batalha deadline!